Davoli x Zé Alfredo, na Câmara

001

Luiz Roberto Benatti

Davoli, o vereador, pode elogiar, na tribuna da Câmara, o famoso Luís Inácio, como eu posso elogiar ou criticar João do Barbante ou Maria das Tamancas. O elogio ou a loa, numa época em que o discursante deitava arenga segundo critérios da velha retórica, fazia-se sob medida, porque uma criatura era Napoleão Bonaparte, imperador do mundo, outra foi o inefável Adolf Hitler. A desmedida paixão reduz o grande até que ele venha a ombrear com o pequeno, de tal modo que o piolho na asa da águia não irá diferenciar-se do pássaro majestoso. O discursante doutros tempos deveria subir à tribuna para pronunciar algo que tivesse nascido na cisterna da sinceridade sem mentir sobre isso. O que o vereador não admite ou não percebe é que, a partir do malfadado 64, desconstruiu-se a escola clássica de feições à John Dewey, cujo modelo foi adaptado ao Brasil por Anísio Teixeira. Nessa escola, o aluno não se limitava a resolver problemas de Álgebra, todavia exercitava-se como futuro cidadão mantenedor da Ética. Esse mundo, vereador Davoli, desapareceu, razão por que a criatura por você elogiada chegou lá. Os equívocos do leitor republicano que o conduziram à presidência não poderão jamais ser remendados, porque, a partir da tomada do poder pelo PT, o Brasil entrou de forma acelerada no beco da agonia. Você dirá que não e como argumento irá enumerar duas ou três conquistas de economia. Digamos que essa enumeração seja defensável. O que não é defensável é que o seu partido pôs em prática um tipo esquizofrênico de política social, isto é, para os homens de Brasília o ouro de César, para o povão ramela e meleca. Você pensa, de fato, que um País que constrói aviões de guerra vendidos a peso de ouro merece ser reduzido à situação de Cuba, ilhazinha do Caribe em que faltam pão, carne, transporte urbano, esparadrapo, gás, sapato? Como o cidadão catanduvense deposita na sua conta bancária 8 mil paus por mês, em princípio, você poderá dizer o que lhe vier à telha, mas não enganar o singelo eleitor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.