O gato e o corvo

001

Luiz Roberto Benatti

 

não me olhe com olhar abstrato

não se faça de felino parvo

 

você quer é me ver no prato

seu miado para mim é estorvo

 

Poe não era um pobre literato

a mentira da Poesia eu não sorvo

 

seu bigode fica mal no autorretrato

você é um bandido de olhar turvo

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s