Tristeza/Pink Floyd

001

 Pink Floyd

 

O doce cheiro duma  grande tristeza escorre pelo ar

Colunas de fumaças sobem e unem-se no céu cinzento

Um homem deita e sonha com campos  e rios verdejantes

Mas desperta numa  manhã sem motivos para acordar

 

Ele é assombrado pela lembrança dum  paraíso perdido

Em sua juventude ou em seus sonhos, não sabe dizer

Ele está preso para sempre a um mundo que já se foi

Não é o bastante, não é o bastante

 

Seu sangue congelou e talhou com o medo

Seus joelhos tremeram e cederam na noite

Sua mão fraquejou na hora da verdade

Seu andar vacilou

 

Um mundo, uma alma

O tempo passa, o rio flui

 

Não é o suficiente, não é o suficiente

Suas mãos fraquejaram

 

E ele conversa como rio de amor e dedicação perdidos

E o silêncio responde com um confuso convite

Maré escura e agitada fluem para um mar oleoso

Uma insinuação horrenda do que é para ser

 

Há um vento incessante que sopra através desta noite

E há poeira em meus olhos que encobrem minha visão

E o silêncio que fala mais alto do que palavras

De promessas quebradas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s