Tantos são os corpos cansados que

001

Luiz Roberto Benatti

 

tantos são os corpos cansados que

o espírito desistiu de esperá-los

para o café noturno requentado

a água da chuva derrubou muros

e levou o aparelho de raios-x para o quintal vizinho

onde o mamoeiro mirrado aguarda

algum sabiá extraviado

os doentes arrastam pés e pernas

enquanto a gaze se desprende ao longo da sala de espera

o único fiapo de prazer que nos resta

é saber que os reconstrutores do Brasil

ainda não acordaram da ressaca de antes de ontem

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s