Saturno revelado

001

 

Prof. Mário Eugânio Saturno

 

A destruição planejada da nave espacial Cassini em Saturno no último 15 de setembro trouxe o interesse das pessoas para o planeta que tem um sistema complexo de luas e anéis, além de um hexágono em pleno Polo norte.

A missão espacial Cassini-Huygens foi um projeto conjunto da NASA, ESA (Agência Espacial Europeia) e ASI (Agência Espacial Italiana), composta da nave Cassini e da sonda Huygens. Foi lançada em 15 de outubro de 1997 e chegou a Saturno em 1º de julho de 2004. A sonda europeia Huygens pousou na superfície de Titã, o maior satélite de Saturno, em 14 de janeiro de 2005.

O próprio Galileu observou os anéis de Saturno, mas no seu telescópio pareceram como duas esferas coladas ao planeta. Em 1656, Christian Huygens descobriu um satélite que foi batizado de Titã. Titã é a segunda maior lua do Sistema Solar (diâmetro de 5.150 km) e o único satélite a ter atmosfera. Iovanni Domenico Cassini descobriu outros quatro, foram nomeados de Reia, Japeto, Dioneia e Tétis.

Mimas e Enceladus foram descobertos por William Herschel em 1789. Depois descobriram Hipérion (1848) e Febe (1898), e em 1966, Epimeteu e Jano foram descobertos, luas que ocasionalmente aproximam-se e periodicamente trocam órbitas. Quando a Cassini-Huygens foi lançada já tinham discoberto18 luas. Atualmente, foram confirmadas 53 e outras nove luas aguardam confirmação.

A lua Titã é tão grande que afeta as órbitas de outras luas próximas. Titã tem uma atmosfera rica em nitrogênio, ou seja, é semelhante à atmosfera da Terra de bilhões de anos atrás, antes que a vida aparecesse. Enquanto a atmosfera da Terra se estende cerca de 60 km para cima, a de Titã estende-se por quase 600 km.

Japeto tem um lado tão brilhante como a neve e um lado tão escuro quanto o breu, e um cume enorme que corre pela maior parte do seu equador do lado escuro. Febe orbita o planeta em uma direção oposta à das luas maiores de Saturno. E Mimas tem uma enorme cratera de um lado, resultado de um impacto que quase separou a lua, poderia mudar seu nome para “Estrela . Isso também acontece com Dioneia que tem 60 graus à frente e atrás as luas Helene e Polideuces da Morte” sem pensar.

Já Encélado mostra evidências de vulcanismo de gelo ativo: Cassini observou fraturas quentes onde a evaporação do gelo escapa e forma uma enorme nuvem de vapor de água sobre o Polo sul. Esta lua é especial por poder abrigar um oceano interno, ou seja, vida! Assim como Europa de Júpiter. Por conta disso, resolveram jogar a nave Cassine em Saturno, pois se ela caísse em Encélado, o gerador de potência de radioisótopo derreteria o gelo da superfície até penetrar o oceano interno, contaminando-o e matando possíveis formas de vida.

A lua Hipérion tem uma forma achatada estranha e gira, provavelmente devido a uma colisão recente. Já Pã órbita dentro dos anéis principais e ajuda a varrer os materiais de um espaço estreito conhecido como a Lacuna Encke.

E Tetis tem uma enorme zona de rachaduras chamada Chasma Ítaca que corre quase três quartos da lua. Na mesma órbita, nos pontos lagrangianos de Tetis foram descobertas as luas Telesto e Calipso

Mario Eugenio Saturno (cientecfan.blogspot.com) é Tecnologista Sênior do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e congregado mariano..

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s