Canção de amor da garota pirada

001

Sylvia Plath/Benatti

 

fecho os olhos e todo mundo cai morto

ergo as pálpebras e todo mundo renasce

(penso que inventei você em minha cabeça)

 

dançam as estrelas em vermelho e azul

a escuridão arbitrária anda a galope

fecho os olhos e todo mundo cai morto

 

sonhei que você enfeitiçou-me no leito

cantou e beijou-me como lunático

(penso que inventei você em minha cabeça)

 

Deus cai  do céu e as chamas do inferno se apagam

Serafins e Satanás abandonam os homens

fecho os olhos e todo mundo cai morto

 

Fantasiei que você voltaria como você disse

Mas eu envelheci e você esqueceu o meu nome

(penso que inventei você em minha cabeça)

 

deveria ter amado um pássaro-trovão

quando chega a Primavera ele de novo ribomba

fecho os olhos e todo mundo cai morto

(penso que inventei você em minha cabeça)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s