A vida depois do retorno

004

Anna Maria Monteiro

– Ei, Ulisses, o que há contigo?
– Nada. tava aqui pensando…
– Pensando nas sereias que avistaste nos mares?
– Não, nada disso, Penélope, sua tolinha…pensando em toda aquela potência que me fez embrenhar em  lutas, resistir às tentações, no amor por ti que…é isso! Enquanto estavas o tempo todo no meu pensamento eu tinha uma força enorme, mas agora que tudo passou parece que sinto um vazio…
– Não me amas mais?
– Não, Penélope, que bobagem tu és a mulher da minha vida.
– Acho que compreendi,  Ulisses, agora a tua vida não precisa mais que eu esteja forte em teu coração e minha presença física te provoca um vazio exatamente porque não há um sentido de luta que, bem ou mal, sempre te moveu. Vou tecer tapetes.

– Penélope, Penélope! boa ideia e eu vou inventar outra batalha para sair mundo afora!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s