À moda de Zang Di

001

Luiz Roberto Benatti

 

nove prefeitos juraram em cruz por tudo quanto é sagrado

que as ruas que sobem ladeira acima são diferentes das que despencam ladeira abaixo

oito vereadores devoraram o estoque de bolacha de água e sal

enquanto aguardavam a hora de dizer presente na Câmara

sete ciclistas depois de assistir ao filme ET

nunca mais voltaram a pedalar no asfalto e depois da prova foram morar em nuvens destelhadas

seis malabaristas de esquina cobriram-se com penas de corvo

e recitaram The raven até que o verde do semáforo vomitasse vermelho e amarelo

cinco moças cheias de encanto prometeram sorrir somente

35 vezes por dia e antes do pôr de sol ainda que chovessem canivetes

quatro velhotas octogenárias foram tomar chá Earl grey

enquanto roubavam no carteado e falavam mal dos falecidos maridos

três patos selvagens em formação de bumerangue migraram

para o Sul porque a Verdade era como milho carunchado

nesta altura, Zang Di sussurrou ao meu ouvido suprima os dísticos dois e um

porque as coisas por aqui estão muito difíceis de ser engolidas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s