Na trela do prefeito só acredita quem já bebeu

001

Luiz Roberto Benatti

 

O traçado da linha férrea da Railroad and co. foi corrigido por Henrique Dumont. O pai do aviador diplomou-se na Escola de artes e ofícios de Paris, na época  o equivalente das futuras escolas de Engenharia. Mineiro, ele se iniciou na prefeitura de Ouro Preto e, logo a seguir, foi encarregado pelo imperador Dom Pedro II de construir trecho na Serra da Mantigueira da Estrada de Ferro Central do Brasil.Ele não frequentou escola de engenharia mequetrefe nem se fantasiou de rico proprietário de 2 cemitérios: Dumont foi o homem mais rico do mundo, porque não era neurótico, nem perverso e muito menos psicótico.A passarela da 7 que o gênio que nos governa quer derrubar é a segunda versão, porque a primeira, de madeira, foi queimada por Carlos Machado e Aristides Procópio de Oliveira, juntamente com moçada irada em 1919. A altura da passarela foi medida por engenheiros que conheciam Álgebra e servia de passagem para os cargueiros de café e passageiros. Quem não conhece História morrerá sem glória. Se HD não tivesse corrigido o traçado inicial, a linha, numa oblíqua a partir da atual estação, seguiria para a Bolívia: vá até a Rua Sergipe, na altura dos prédios das Ilhas gregas, e confira o prédio da pretendida  estação onde foi a pizzaria de Luís Mário Devitto. Há indivíduos que constroem, como Warley Agudo Romão, e outros que destroem, infelizmente sediados em CTV.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s