O proto-fascismo bolsonarista, ao contrário do integralismo, seduz entusiastas mais jovens

001

Luiz Roberto Benatti

Convidados por Jango Goulart, que estava na China, fomos a Brasília onde Ranieri Mazilli nos recebeu. A caserna mineira ainda mantinha   os tanques estacionados no pátio de manobras, o céu era límpido, o sol ameno, e nada parecia encaminhar-nos para o  desastre do 64. Caminhávamos pelos corredores do Palácio da Alvorada, quando um homem meio encanecido porém firme no andar veio em nossa direção com voz tonitruante e indagadora de velhos companheiros de CTV, imenso território integralista. Era Plínio Salgado que arrastou milhões de galinhas verdes pelo País ao prometer-lhes que aqui Adolf Hitler viveria para sempre. Dentre outros livros de sua imensa bibliografia, Plínio escreveu uma vida de Jesus, porque o churrasco do fascismo vai bem com incenso e água benta. Minta, mate mas não morra porque os infiéis serão pendurados no arame farpado dos campos de concentração. Muitos dos nomes lembrados por Plínio Salgado, naqueles dias do início dos 60s, já tinham ido residir numa caixa prego do campo santo, mas ele continuava no passado, onde moram os proto-fascistas. O cemitério é a casa e a vida dos órfãos de Mussolini. Os encantados por Bolsonaro talvez  sejam na grande maioria netos ou bisnetos de integralistas perdidos no tempo e o espaço dos ínvios caminhos e só parecem  ser mais ousados porque estão por trás das trincheiras das redes sociais. Chama a atenção, todavia, a questão da idade: juventude de corpo empinada numa cabeça decrépita. O mundo brasileiro  rejuveneceu-se sem ter passado pelo rito do amadurecimento intelectual, político e moral.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s