Amor louco

Mário Wirz/Benatti

 

ela me oferece

morangos silvestres

até que envenenado

eu entro em delírio

 

cheio de esperança

terei de   mudar

as penas

neste Verão

papagaio feliz

eu repito

amor

ao precipitar-me

em caso de dúvida

e cheia de pressa

ela agarra

uma dedaleira

roxa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s