Paradoxo do paradoxo

001

Luiz Roberto Benatti

Caso você não  minta em nome da Verdade, estará mentindo ou dizendo a Verdade em nome da mentira? Caso você viva num país de inúmeras liberdades para poucos e bons, de tal modo que as ditas liberdades estejam associadas com incontáveis crueldades, você sairá em defesa da crueldade ou queimará a bandeira da  plena liberdade? Caso você venda pelo preço com que comprou, acrescido de 200%, as botas usadas no ano passado, o barro que você vai cruzar terá merecido a aflição da espera da decisão do comprador? Caso os meus paradoxos sejam todos ortodoxos exceto os  heterodoxos, você acredita que tudo o que eu disser será o contrário do inverso do avesso do lado oculto  da Lua? Caso a maré alta passe a ocorrer  na maré baixa, o mar será menos ou mais salgado que o bacalhau da porta da venda da prima Dulce? Se você mora num país que agora diz vamos ver e, a seguir, só veremos amanhã, você ainda sustenta a questão heliotrópica de que o vagalume só alumia porque se  tornou depositário do fogo roubado aos deuses por Prometeu? Se lhe disserem que a Sofia Loren foi minha eterna namorada em Roma e adjacências, você sairá correndo para contar tudo às minhas demais namoradas sempiternas?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s