Parágrafo de lei doméstica

Cláudia Keelan/Benatti

enquanto o mundo durar

clamo por  responsabilidade

para os que estão  comigo ou se acham  sós

a eterna contenda

não aceita armistício

a lei do amor diz respeito  a qualquer pessoa

eu gosto do mundo

 presente na selva

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.