Três mentiras fizeram ninho no poste de luz

Luiz Roberto Benatti.

três mentiras fizeram ninho no poste de luz

em frente de casa e a primeira delas tinha penas

escuras parecidas com nódoas muito antigas e ela piava

de modo desafinado estranho e assustador a segunda tinha

a cabeça vermelha como sangue olhava o tempo todo para

o alto como se quisesse morar numa nuvem rosada que se

desenhara na tela do pôr de sol a terceira, quem diria, era

branca, imaculada e seu canto era sonoro, agradável ao ouvido e parecia convidar-nos para residir nos paramos celestiais e eu pensei em como o mundo pode fazer de nós

criaturas cheias de encanto e capazes de transformar o Mal em Bem, ao contrário do que dizem os pessimistas que, em tempo algum, serão como as três mentiras  que edificaram seus ninhos no poste de luz em frente de casa até o dia em que a primeira devorou os filhotes a segunda emparedou o macho e a terceira morreu envenenada por mercúrio depois de bebericar água do córrego na baixada do outro lado da cerca a 50 m do poste de luz

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.