23 de outubro de 2003

Fuad Rifka/Benatti.


aposentados


sob os galhos da amoreira
na frente da casa
ele estica os pés
 não usa relógio no braço
sino algum  toca as horas para ele
ele tem tempo para pensar
no que se vê por aí,  com olhos inaugurais
 ver através do nevoeiro

ele dispõe de tempo
e quer viver o tempo:
um outro nascimento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.