Evelyn Waugh ou a falta que o sarcasmo nos faz

Luiz Roberto Benatti

Diante da demolição do Estado pela cúpula do PT e seus coadjutores, temos de confessar que, se a ingenuidade não nos mata, também não promete levar-nos ao Paraíso. Continuaremos por aqui, lacrimosos como sempre, à porta do Inferno. Foi o incansável Nélson Bassanetti postar no Facebook recorte de jornal local da década de 30 sobre preços de caixão para virgens, e os comentadores acudir com seus uis, ais, nossa, que deselegância etc. Não brinque com a morte que ela virá puxar suas pernas à meia-noite. Que pena que um nobre inglês do século XVIII ou XIX não tivesse feito a  corte à marquesa de Santos, a fim de, no futuro rebento, ter inseminado doses de gim e sarcasmo. Como Evelyn Waugh não se interessava por Carnaval, ele não veio ao Brasil. Foi pena. Os Waugh, pai e filhos, escreveram uns 180 livros, mas Evelyn teve de suportar o descrédito do pai por ele que, com isso, não se fixava em nada, até que a Literatura o pegou pelo gasnete. Waugh era tão sarcástico que, depois de atirar-se ao mar, em Gales, com  o propósito de se matar, uma água viva o queimou e as queimaduras o fizeram desistir do intento. Onde entram as virgens do Nélson? No romance o Ente querido, Waugh faz a caricatura do pré-destino do morto: banho, corte das unhas e cabelo, bigode aparado, manicure, tudo de tal modo feito com capricho, que aos familiares só restasse chorar copiosas lágrimas e recordar os dias felizes do falecido. A carência de sarcasmo entre nós é tão problemática, que ainda iremos enxugar nossas lágrimas em  muitos lençóis depois da queda de O iluminado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.