O desmanche da memória republicana

Luiz Roberto Benatti

Ergueu-se na Praça XV, em São Luís do Maranhão, a Pirâmide de Beckman, sem cuja lembrança a nossa rua Maranhão provavelmente teria outro nome. O nome do alemão Beckman  e de seu irmão dilui-se a cada ano que passa e é bem possível que os novos professores de História nem saibam que eles foram os protomártires da Independência, tão ágeis quanto Tiradentes. Assim, a nossa rua Maranhão não lembra Beckman nem mesmo suas ações de ultrapassagem histórica. Nossas ruas de uns tempos para cá chamam-se Cotovia celestial, Campo florido da estradinha para Jacaúna ou Caitité também conhecido por cateto ou porco-espinho. A Praça 9 foi redesenhada pelo trio Barbieri-Gorski-Kliass e recontou em dialeto arquitetônico a refrega do 32, mas não abemos como seria a configuração republicana da Praça da República.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.