Na América, para o que der e vier

Luiz Roberto Benatti

Na América, para o que der e vier (ed. bilíngue)

I. Véios no boteco

Minha véia fritou no capricho a mandioca e ofereceu à neta que perguntou se era laite, porque se não fosse ela não comeria. Tem até torresmo laite: meu pai matava o porco em campo aberto e a gente comia o porco inteiro. Supermercado é porcaria mesmo: os pais levam criança arrelienta junto, o zezinho come iogurte e chocolate da prateleira, esperneia, berra, dá tapa na cara do pai.Meu veio espiava de rabo de olho e a gente mijava na calça.  A gente era 13, mas o irmão Hermes foi picado por cobra e virou salame. Sobramos 12, minha mãe agüentou no tranco, cozinhava, lavava, passava, costurava e, quando terminava a janta, botava a bunda numa cadeira na sala, fechava o olho e dormia. Vesti calça comprida com 14 anos, mas o meu neto de 25 não tira o bermudão nem para ir a casamento. Casamento é outra coisa: marcam para o meio-dia, às 3 da tarde passa o garçom de bigodinho que te oferece uma bolachinha com patê de presunto. Você urra de fome, mas só vão servir canelone às 5. A sobrinha da minha irmã ganhou 15 liquidificadores e o fotógrafo tirou uns 400 retratos. Foram para Miami: acham que falam a Língua dos gringos: gud naite, rau du iu du? Essas frescuras. Na volta, deixaram uma nota preta na alfândega. Me perguntaram se eu estava gostando da presidente. Passei carão: nem sabia que muié governava o País.Conheci muita muié brava que pegava touro a unha.  Dizem que é durona. Me lembro da professora de desenho – o nome de família era Mosca. Tinha uns sapatos abertos com salto de 15 centímetros, media a ponta do lápis no. 2: se não tivesse justos  2 centímetros, ela arrebentava o lápis na carteira. Quando pequeno, eu e os amigos da praça, a gente entrava no cinema por trás da tela. Vi O maior espetáculo da Terra 8 vezes. A branquinha do Quinho é autêntica e ele joga truco como ninguém.Mando botar a pinga na xícara de café para disfarçar.  Vou-me arranjando como Deus manda, porque a inflação já comeu a metade do benefício. Minha filha diz que vota no João das Carça porque o rapaz é jovem, bonito e inteligente e que o Adhemar  está mais feio que pão amanhecido de 3 dias. Serão esses os nomes? Não sei mais porque a minha cachola virou meio quilo de carne moída.

In America, per qualsiasi cosa venga

I. Non voglio andare a scuola


Il mio vigneto friggeva la manioca per un capriccio e offriva alla nipote che le chiedeva se fosse una laica, perché altrimenti non avrebbe mangiato. C’è persino il laicato della trementina: mio padre ucciderebbe il maiale in aperta campagna e mangiammo l’intero maiale. Il supermercato fa schifo anche: i genitori prendono i bambini insieme, lo zezinho mangia yogurt e cioccolato dallo scaffale, schiamazzi, grida, schiaffi sul viso del padre. Sono venuta a spiare fuori dagli occhi e ci siamo sbucciati nei pantaloni. Avevamo 13 anni, ma il fratello Hermes è stato morso da un serpente e trasformato in un salame. Lasciammo le 12, mia madre si aggrappò, cucinò, lavò, passò, cucì e, quando finì di cenare, mise le natiche su una sedia del salotto, chiuse gli occhi e dormì. Ho indossato pantaloni lunghi a 14 anni, ma il mio nipotino di 25 anni non si toglie i pantaloncini o va ai matrimoni. Il matrimonio è un’altra cosa: segnano per il mezzogiorno, alle 3 del pomeriggio passa il cameriere dei baffi che ti offre un biscotto con patè di prosciutto. Urla con la fame, ma servirai solo cannelloni alle 5. La nipote di mia sorella ha vinto 15 frullatori e il fotografo ha tirato fuori 400 ritratti. Sono andati a Miami: pensi che parlino la lingua dei gringo: gud naite, rau du iu du? Tali fronzoli. Sulla via del ritorno, hanno lasciato una nota nera alla dogana. Mi è stato chiesto se mi piacesse il presidente. Ho esultato: non sapevo nemmeno di essere il capo del Paese, ho incontrato un sacco di donne coraggiose che hanno preso il toro. Dicono che è duro. Ricordo l’insegnante di disegno: il nome di famiglia era Mosca. Aveva le scarpe aperte con un tacco da sei pollici e metà della punta della matita. 2: Se non avesse 2 centimetri, avrebbe distrutto la matita nel suo portafoglio. Quando ero piccolo, io e gli amici della piazza, entravamo nel cinema dietro lo schermo. Ho visto il più grande spettacolo della Terra 8 volte. La branquinha di Quinho è autentica e gioca un trucco come nessun altro, quindi metto la flebo nella tazza del caffè per mascherarla. Sto organizzando la via di Dio, perché l’inflazione ha già consumato metà del beneficio. Mia figlia dice che vota in João das Carca perché il giovane è giovane, bello e intelligente e che Adhemar è più brutto di un ammuffito di 3 giorni. Sono questi i nomi? Non lo so più perché il mio cane ha trasformato un chilo di carne macinata.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.