Purgatório 33

Luiz Roberto Benatti

Abra seu peito para a verdade que está chegando,

estenda suas mãos, deixe seu coração bem aberto,

expandir seu cérebro, quebrar sua cabeça,

afie sua boca, ouvidos e narinas.

Rasgue suas pálpebras e me mostre seus olhos:

arrancar sua alma, torná-la grande!

Um alienígena pousou na sua varanda

navios e tudo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.