As novas configurações da República

Luiz Roberto Benatti

Se, de fato, a República pretendeu um dia ser a res publica, quer dizer,o governo de todos e para todos, nos dias que correm ela de modo acintoso tornou-se o fronte da administração de poucos para poucos.Não há refeição de graça,afirmou Paulo Francis. Pobre usa as mãos sem talheres.  Uma espécie de fascismo brando, se é que isso poderia existir de fato. O governo Vargas muitas vezes atuou como administração fascista, trocou correios elegantes com Mussolini e Hitler, até que deles pareceu afastar-se. Eram épocas do poder tresloucado ou furibundo, voz grossa, cassetete (CaSStete?), prisão,com a eleição dum inimigo que deveria também cumprir com o papel de adversário. Todavia, as idéias tinham de confrontar-se até que uma delas pudesse provar-se como a vencedora. No caso de Vargas, avançamos na questão social em sentido amplo, o governo inchou e pôs de pé as grandes estatais, de modo a apoderar-se de todos os  serviços. Vargas foi onímoda. No entanto,um jornalista como Carlos Larcerda tirou o sono do governante. Tudo era sólido mas se desmanchava não como nuvem passageira mas como prenúncio de  tempestade. Lacerda era boquirroto e aspirava ao poder. Ele tinha garras de harpia nas mãos e nos olhos.Mais do que Vargas, Lacerda é o grande modelo de aspirante ao poder.  Até o momento talvez não conseguimos refletir sobre o significado da República Vargas e o suicídio,  para destrinçar o osso seco e pálido da parte apetitosa do futuro churrasco que parece não ter ocorrido. Beneficiado,naqueles dias,mais tarde o povo foi empurrado  para a roda de fora. Foi assim com Goulart, cedo apeado do poder.Quem vai à China não mais opina.  A República se pasteuriza, cobre-se de plumas e paetês, faz-se atraente e não aspira a servir à massa.O povo é um estranho animal. A República é um  gabinete de poucas idéias e muitas ambições. O homem no poder desde o primeiro dia rumina sobre a permanência no cargo sem data para deixá-lo.O poder é tóxico.A República travestiu-se em ditadura. Não precisa desculpar-se. As coisas são assim e está acabado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.