Paulo Pasta

Luiz Roberto Benatti

Pasta será homenageado em SP pelos 30 anos de intensa, demoradamente refletida e  quase silenciosa atividade de pintor. No entretempo, ele deixou Ariranha e CTV, foi para a USP e, como monge trapista, trabalhou de modo pausado e seco. É pena que os moços não o conheçam e pena duplicada que os pintores locais ignorem Morandi ou Van Gogh com quem ele aprendeu. Nós somos provincianos por escolha e  gosto pessoal, sob as bênçãos do poder público. Dos meados dos 60s para cá perdemos a guaiaca rural ou o terno branco de linho urbano. CTV precisa ser salva de si mesma! 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.