Rosa Luxemburgo, 95 anos

Luiz Roberto Benatti

Depois de ter sido seqüestrada e espancada, Rosa Luxemburgo foi assassinada com requintes de brutalidade sintomáticos: soldados paramilitares o fizeram a mando do governo socialdemocrata alemão, no dia 15 de janeiro de 1919. Conquanto a prática datasse do mundo antigo, as mulheres, pela silenciosa submissão à vida doméstica, de certa forma, eram refratárias ao assassínio político. Rosa era endiabrada. Em 1892, fundou o Partido Socialista Polaco e, mais tarde, a Liga Spartacus que evoluiu para o Partido Social Democrata Independente. Rosa foi contemporânea de Sherlock Holmes, o grande elucidador de crimes, como a alemã, ocupada em desvendar os crimes contra a classe operária. Holmes afirmou: “Entendo que há certos crimes que não podem ser elucidados por lei e que, por isso, e de algum modo, acabam por justificar o ato particular de vingança”. O espartaquismo mostra que a Revolução socialista deveria ter eclodido na Alemanha e não na União soviética, cuja evolução, com Stálin, marcou os partidos à esquerda com os vícios da nova burocracia e as justificativas da intelectualidade de escala mundial. Ela terçou armas com Lênine e insistiu muitas vezes em chamar a atenção da classe operária para o engodo do nacionalismo. Em 1897, Rosa concluiu o doutorado em Ciências Políticas, o que fez dela criatura intelectualizada em grau superior. O confronto com Lênine é questão a ser rediscutida, em particular numa época de amortecimento do socialismo latinoamericano, porque a polêmica abre-se como um leque chinês para vários pontos: o partido, a burocracia partidária, a ação política, a selvageria do Capitalismo que, dia após dia, abre novas frentes bélicas, a fim de manter a escassez de víveres, desconstruir vagas de trabalho, vender armas, reconstruir cidades arrasadas e avançar sobre a matéria-prima do adversário. Rosa afirmou: ”O socialismo não é, propriamente, um problema de comer com garfo e faca, mas um movimento de cultura, uma grande e poderosa concepção do mundo”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.