Leprosos em CTV em 1932: namoros com o inefável 32 e o esquecimento de Santos Dumont

Luiz Roberto Benatti A primeira imagem é da entrada do Asilo da Colônia Aimorés de Baru e a segunda, que, sem tirar nem pôr,  lembra a fachada do Barão do Rio Branco, é do Educandário Alzira Bley no Espírito Santo. Essas  colônias ou asilos foram apenas dois dos inúmeros abrigos de exclusão social dos leprosos…

CTV: 1933-1936, mandatos encavalados, jogo de cartas perigoso e pruridos integralistas

Luiz Roberto Benatti Deus, pátria, novo Brasil, grande Nação, lemos no cartaz, enquanto os braços, cruzados à frente do tronco, lembram que esses entusiastas do Plínio Salgado  estavam dispostos a lutar por tudo aquilo que jamais fariam. O símbolo estampado na camisa verde é a letra sigma inspirada na suástica hitlerista. Eram todos eles caricatos,…

José Américo de Almeida em CTV, ou Como gostamos de esconder  fatos importantes  de nossa história

Luiz Roberto Benatti No dia 1º. de agosto de 1937, Benedito Augusto Narciso, Lindoval Vaz de Almeida e José Galvão fundaram a União dos homens de cor de Catanduva,  cuja memória foi levada para Nenhures por uma sociedade que insiste em contar sobre seu domínio e o gosto que tem por divertir-se rios de cerveja…

A alga e o sapato

Luiz Roberto Benatti Planeja-se o crime, mas não a dor. Constrói-se o álibi, apagam-se os vestígios, o cabelo desgarra-se do crânio, o sorriso exibe-se num celular. Todos os celulares são locativos, translocativos, relocativos, plurivocativos, audíveis, porém inservíveis depois do último não, do penúltimo não faça, do subseqüente vou gritar. A Bíblia sustém de maneira precária…